Futuro Intruso

Foste até o céu e voltaste
Demônios terriveis
Tu com coragem enfrentaste
Disseste: “são invenciveis”
Mas tu mesmo os criaste.
Brigar com teus principios, em vão
Deixaste de viver pra não entrar em contradição
Enganaste a ti mesmo, somente.
Mas agora sabes
Sabes como ele se sente.
Se és do tipo que se contenta com migalhas
Tua condição de existência
É a felicidade temporária.
Em minhas lembranças
Moraste de vez
De minhas palavras, boca saiste, talvez.
Tuas lágrimas de colírio
Já não me comovem mais
Para mim são como lírios;
E o que passou ficará para trás.
Retornes a ti, passado saudoso
E venhas a mim…
Futuro intruso!

Cecília Richter

Anúncios

Sobre Richter

A realidade não me é conveniente.
Esse post foi publicado em de minha autoria, poesias. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s